Café Baroni 2011
Espresso ou Expresso?

Muitos (90% da população) pensam que o certo é expresso, porque supostamente ele seria feito mais rápido. Outros 9% pensam que o nome vem do italiano spresso, o que não deixa de ser verdade, e a tradução literal é espresso — sob pressão, espremido. Espresso é particípio irregular de espremer, que é a forma como se faz o café, ao invés de coado. Ou seja, nosso café não foi feito para ser tomado depressa; nosso produto, que não tem nada de rapidinho, é um pedido feito para a ocasião, um café feito especialmente para você.

O hábito de beber café faz bem pra saúde?

O café é um dos alimentos naturais mais saudáveis que existe. Pode ajudar a melhorar o humor, a prevenir a depressão, algumas doenças cardiovasculares e o câncer.

Café e os antioxidantes, contra os radicais livres

Nosso corpo usa oxigênio para aproveitar a energia contida nos alimentos. Entretanto, além da energia, nessa hora as células, produzem alguns inimigos da saúde - os chamados radicais livres. Sua presença está ligada ao câncer, ao envelhecimento e às doenças cardiovasculares, isto é, às do coração, das artérias e das veias do corpo. A boa notícia é que o café possui substâncias que combatem os radicais livres, os chamados polifenóis, que aumentam as chances de combater essas substâncias causadoras de doenças.

O que são polifenóis?

São compostos químicos do café que combatem os radicais livres causadores do envelhecimento. Existem também no vinho tinto, na abóbora, na soja, no inhame, na mandioquinha, nas sementes de girassol e de gergelim, no alecrim e no orégano. Essas substâncias tem sido estudadas por suas propriedades antioxidantes, isto é, são capazes de evitar o envelhecimento e várias doenças como câncer e o infarto do coração. Para ter os benefícios, o mais indicado é consumir os alimentos ricos em antioxidantes.

Memória, atenção e concentração!

Quatro xícaras diárias de café aumentam a memória imediata (aquela que se usa para acontecimentos recentes), a atenção e a concentração. Tomar café pode ajudar também crianças e adolescentes a aprender na escola. Para isso, basta tomar café com leite de manhã, na merenda escolar e também no lanche da tarde. Segundo o professor Darcy Lima da UFRJ, "Para se beneficiar, é preciso adquirir o hábito diário de tomar café". Mas atenção: tudo isso só funciona se você também comer de forma saudável e se exercitar.

Melhora na Performance

A World Anti Drug Association, o comitê antidoping internacional, tirou a cafeína da lista de drogas proibidas para atletas. O motivo: atletas que tomam café diariamente e fazem exercício têm melhor performance - mas, para este benefício, o condicionamento físico é fundamental.

Uma pausa para o café

O café recarrega as energias. Por isso, tomar café todos os dias diminui a incidência de apatia e depressão. O hábito do cafezinho no trabalho, do coffe break, o intervalo para o café em reuniões, é um jeito eficiente e bem agradável de combater o problema.

O segredo: não exagerar

Em excesso, tudo faz mal. Embora a cafeína exista em pequena quantidade no café, ela é um estimulante e não se pode exagerar na quantidade. Cada pessoa deve buscar qual dose diária de café que a satisfaz, sem trazer ansiedade ou taquicardia. Lembre-se de que o café é um bebida diurna, que ajuda nas atividades do dia de trabalho, mas seu consumo deve ser reduzido no período da noite, para não afastar o sono.

Quanto café beber por dia?

O consumo regular moderado do café - três a quatro xícaras de café ao dia, puro ou com leite - pode ajudar a prevenir o alcoolismo, a depressão e o suicídio. Isto foi comprovado por estudos feitos com mais de 200 mil pessoas, por um período de dez anos, em dois grandes centros de pesquisa norte-americanos na Califórnia e Boston. Esses dados foram confirmados em pesquisas entre estudantes brasileiros. O hábito do consumo de café pode ajudar os jovens a se afastarem do alcoolismo e a levarem uma vida mais saudável.

Contra o mau humor

O café possui os ácidos clorogênicos que, após a torra, formam substâncias que atuam no humor, alterando as endorfinas do cérebro. As quino-lactonas que são formadas quando os grãos de café são torrados também influenciam no humor, aumentando a sensação gostosa de bem-estar e ajudando a evitar a depressão.

Barista

Especialista, cientista e artista do café (especialmente "espresso") e suas bebidas. O Barista deve dominar as técnicas de extração do "espresso" e a vaporização do leite, bem como conhecer muito bem os equipamentos com os quais trabalha.